Header Ads

[Resenha] Amante Eterno (Irmandade da Adaga Negra # 2) || J. R. Ward




448 páginas || Irmandade da Adaga negra #2 || J.R.Ward || Ano 2010 || Universo dos Livros
Resenha por Débora Favoreto


Raghe me conquistou logo no primeiro livro. Então eu já sabia que essa paixão só aumentaria. Fora que eu estava curiosa demais para conhecer toda sua história. 

"Não quero parar, Mary. Quero deixa-lá excitada, tão excitada que não sinta nada além de mim. De maneira que não pense em coisa alguma a não ser no que eu estiver fazendo com você. Quero que se derreta."

Eu li esse livro já faz um bom tempo, mas no blog só tinha a resenha do primeiro. Pretendo mudar isso e resenhar um livro da série por mês. Vamos ver se dou conta.

"E sei que sua voz é o som mais adorável que já escutei" 

Rhage tem uma maldição. Mary tem uma doença. 

Ele cuida dela de uma forma que não sei explicar, só sentir. É lindo e incondicional. Amei demais esses personagens tão machucados e tão fortes ao mesmo tempo. 

"— Olhe, meu senhor, Mary é... diferente para mim. Não vou fingir que entendo a razão disso. Tudo o que sei, é que ela faz meu peito palpitar de uma maneira que não posso ignorar... caramba, que não quero ignorar. Então, a ideia de abandoná-la à mercê da Sociedade simplesmente não é uma opção. No que se refere a ela, todo instinto protetor que tenho é acionada e não posso deixar isso de lado. Sequer pela Irmandade."

Ela é gentil e atenciosa com todos. Mesmo com os problemas de saúde, ela consegue ver a vida de uma forma linda. 

“ Por favor... Deus. Deixe-me ficar aqui com ele. Não me faça partir.”

Mary é a única pessoa que consegue controlar o animal que existe dentro de Rhage

"Uma magnífica tatuagem, multicoloria, cobria completamente suas costas. O desenho era o de um dragão, uma assustadora criatura com cinco garras e um corpo contorcido e poderoso. Do seu lugar de descanso, a besta a olhava fixamente, como se de fato espreitasse através de seus olhos brancos. E, enquanto Rhage caminhava, a coisa se movia com as ondulações de seus músculos e pele, mudando de posição, agitando-se."

Dois personagens sem perspectiva de vida, mas com o coração do tamanho do mundo.

Amante Eterno é um livro de mais ação comparado com o primeiro, Ragher é o mais forte da irmandade, acredito que esse tenha sido o motivo e eu adorei. A leitura fluiu muito mais rápido e eu nem percebi quando terminei.

Gosto muito da série Irmandade da Adaga Negra, porque temos o prazer de continuar em contato com os outros personagens da irmandade. Lógico, próximo dos últimos capítulos temos uma ponta de quem será o próximo casal. E, sim... Eu lembro que não esperei nem um segundo após encerrar esse e começar o Amante Desperto. Logo postarei resenha também. 

Se você, assim como eu, adora um livro sobrenatural, com vampiros brutos e quentes, eu indico muito essa série.

"(...) -Sei tudo sobre você e tudo o que vejo é lindo. E tudo o que vejo é meu.
-Não sou sua- sussurrou ela
A rejeição não o desconcertou.
-Bem. Se não posso tê-la, então, eu me dou inteiro para você. Pegue tudo de mim, uma parte, um pedacinho só, o que quiser. Mas, por favor, fique com alguma coisa. "

Leia a resenha do primeiro livro: Amante Sombrio 


CAPA E SINOPSE:

Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma sórdida e cruel guerra entre os vampiros e seus carrascos os redutores. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça.
Possuído por uma besta letal, Rhage é o membro mais perigoso da Irmandade da Adaga Negra. É o melhor lutador, o mais rápido a reagir e o amante mais voraz, porque em seu interior arde uma feroz maldição lançada pela Virgem Escriba. Possuído por esse lado sombrio, Rhage teme constantemente que o dragão dentro de si seja liberado, convertendo-o num perigo letal para todos à sua volta. Mary Luce, uma sobrevivente de muitas adversidades, entra de maneira involuntária no universo dos vampiros, contando apenas com a proteção de Rhage. Concentrada em combater sua própria maldição, potencialmente mortal, Mary não está em busca de amor e perdeu sua fé em milagres tempos atrás. Mas quando a intensa atração animal de Rhage se transforma em algo mais emocional, ele sabe que Mary precisa ser sua e de mais ninguém. Enquanto os inimigos fecham o cerco, ela luta desesperadamente para alcançar a vida eterna com aquele que ama...

Erótico / Fantasia / Ficção / Literatura Estrangeira / Romance



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.