Header Ads

[Resenha] Mil beijos de garoto || Tillie Cole

400 páginas || Tillie Cole || Ano 2017 || Editora Planeta || Skoob || Compre Aqui
Resenha por Dani Almeida



As muitas e muitas lágrimas que derramei durante a leitura de Mil Beijos de Garoto foram à prova de que eu não estava nem um pouco preparada para a intensidade dessa história.

A única palavra possível para me descrever ao término dessa leitura é destruída: Tillie Cole você acabou comigo! Meu coração foi estilhaçado em milhares de pedacinhos e corro o risco de nunca mais voltar a tê-lo inteiro dentro do peito. Mas sabem de uma coisa? Eu não me arrependo nem por um segundo, pois definitivamente Mil Beijos de Garoto já é um dos melhores livros que li na vida e para sempre, e sempre; até a eternidade eu me lembrarei e recomendarei essa história.

PARA OS QUE ACREDITAM NO AMOR VERDADEIRO, ÉPICO E DESTRUIDOR DE ALMAS. ESSE É PARA VOCÊS. (Tillie Cole).

Quando aos cinco anos de idade Rune se muda da Noruega para os EUA o que menos esperava era chamar o novo país de lar.

Contudo ao conhecer Poppy, a linda garotinha da casa ao lado, Rune percebe que se puder ver aqueles olhos brilhantes e sorriso acolhedor sempre, a mudança terá valido a pena.


A partir desse momento eles foram Poppy e Rune: melhores amigos até o infinito. E, quando aos oito anos, Poppy recebeu da avó um pote com mil corações e a missão de enchê-lo com beijos que fizessem seu coração quase explodir, Rune logo se oferece para ser o garoto que lhe dará todos os mil beijos mais especiais de sua vida.

"EU SABIA QUE ESSA SERIA A MELHOR AVENTURA DA MINHA VIDA."

A relação de amizade incondicional, na adolescência, torna-se ainda mais bela quando eles se veem apaixonados e ainda mais inseparáveis. Os beijos desse garoto são os únicos que Poppy quer recolher até a eternidade.

Porém Rune é obrigado a voltar com os pais para Noruega e embora a promessa de manter contato até que ele pudesse retornar tenha sido selada entre eles, Poppy o deixa num silêncio ensurdecedor e sem explicações.


Agora, dois anos depois, e de volta a mesma casa ao lado daquela que já foi sua melhor amiga, Rune quer a verdade; saber porque Poppy o abandonou.

Porém essa verdade pode ser muito pior do que toda a dor que já sentiu com o Silêncio de Poppy. Uma verdade que o deixará ainda mais determinado a dar os almejados mil beijos de garoto em sua amada Poppymim.

"QUANDO VOCÊ SABE QUE ALGO É FINITO, ISSO TORNA AQUILO MUITO MAIS SIGNIFICATIVO."

Gente, que livro! Aqui estou eu escrevendo a resenha e chorando -de novo- só de lembrar dá beleza dessa história e da grandiosidade e entrega do amor vivido por esses dois protagonistas.

Me faltam palavras para dizer o quão embevecida eu fiquei com essa obra.

A autora narrou com perfeição, delicadeza e realidade uma história de amor entre duas almas gêmeas que se reconhecem, se reencontram e se conectam durante a vida e além dela.


Mesmo Poppy e Rune sendo ainda tão jovens, a maturidade e a sinceridade dos sentimentos que nutrem um pelo outro é latente e conseguimos senti-la a cada capítulo da história.

Eu simplesmente me apaixonei por esse casal e, no final, eu é que queria ter um potinho para levá-los para sempre comigo. E o epílogo? Meu Deus! Esse epílogo quase me matou de vez; com toda a certeza um dos finais mais tocantes e sublimes que já li. Definitivamente foi tudo que Poppy e Rune mereciam! 

Para encerrar, preciso agradecer a Planeta de Livros por esse presente tão especial e por ter trazido essa história inspiradora para as nossas mãos: obrigada, vocês arrasaram.

"_UM BEIJO PARA SEMPRE COM MEU RUNE... EM NOSSO BOSQUE FLORIDO... QUANDO ELE FINALMENTE VOLTOU PARA CASA... E MEU CORAÇÃO QUASE EXPLODIU."

Garanta já o seu:


CAPA E SINOPSE:
Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação.


Ficção / Jovem adulto / Literatura Estrangeira / Romance


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.