Header Ads

[Resenha] A Rosa e a Adaga (A Fúria e a Aurora # 2) | Renée Ahdieh

364 páginas || Renée Ahdieh || A fúria e a aurora #2 || Ano 2017 || Editora Globo Alt
Resenha por Débora Favoreto

TENTEI NÃO DAR SPOILER DO PRIMEIRO LIVRO, MAS A ‘ROSA E A ADAGA’ RECOMEÇA LOGO APÓS OS EVENTOS DO PRIMEIRO LIVRO. ENTÃO, LEIA SÓ SE QUISER.

Após uma imensa tempestade mágica, Sherazade é separada de Khalid. Porém, agora ela precisará de toda força e coragem para quebrar a maldição em volta de Khalid. Além disso, ela também terá que dominar os seus próprios poderes e amenizar uma guerra que está prestes a acontecer.

Khalid continua sendo odiado por muitos, mas também continua ajudando a todos que ele consegue. E tudo isso no anonimato. Isso é o que mais me encanta nesse homem. Ele é bom e ninguém precisa saber disso.

Sherazade continua sendo uma mulher forte, guerreira e em busca de paz e amor. Ela continua amando e muito o seu marido, por isso faz de tudo para quebrar a maldição e assim, poder voltar para casa e viver ao lado do homem que tanto ama.

Tariq continua todo justiceiro nesse livro também, mas reconhece o quanto Khalid e Sherazade são apaixonados e fortes quando estão juntos.


A autora nos enfeitiça com todo o enredo criado. 
A leitura gira muito em torno do romance, política e magia. Gostei bastante dos personagens secundários na trama. O segundo livro me agradou bastante, porém o primeiro continua sendo o meu preferido.

A Rosa e a adaga é uma fantasia que não deixa nada a desejar. O final foi perfeito. Eu não o faria diferente, mas desejei que tivesse outro livro. Sempre que me apaixono por um casal, a continuação ou até mesmo um epílogo maior é o meu maior desejo. Contudo, a conclusão foi mais do que satisfatória.

***

“Eles perderam a noção de tudo além de si mesmos. Porque nesse instante não havia dor. Nem cicatrizes. E a maldição era uma preocupação do passado distante.
Ali, a única coisa que importava era o que cada um tinha diante de si. Aqui e agora.
- Eu te amo – Sherazade Suspirou. – Você é tudo o que sou.
-E você é tudo o que serei.
Porque, ali, eles existiam além do tempo. Ali, não podiam mais discernir onde ela terminava e ele começava.”



CAPA E SINOPSE:

Inspirada nos clássicos contos do livro As mil e uma noites, produzidos entre os séculos XII e XVI, Renée Ahdieh criou uma história que conquistou leitores e chegou ao topo da lista de best-sellers do New York Times. A rosa e a adaga conclui o enredo de romantismo, traição, intrigas e mistério iniciado em A fúria e a aurora.
A jovem Sherazade chegou a acreditar que seu marido, Khalid, o califa de Khorasan, fosse um monstro. Mas por trás de seus segredos, ela descobriu um homem amável, atormentado pela culpa e por uma terrível maldição, que agora pode mantê-los separados para sempre. Refugiada no deserto com sua família e seu antigo amor, Tariq, ela concentra forças para quebrar a maldição e voltar a viver com seu verdadeiro amor.
Com uma narrativa envolvente e repleta de referências à cultura árabe, a autora desenvolve um universo de intriga política, magia negra e relações complexas. Os personagens, que em A fúria e a aurora já haviam conquistado o coração dos leitores, tornam-se ainda mais marcantes, profundos e sedutores.
Fantasia / Ficção / Literatura Estrangeira / Romance


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.