Header Ads

[Resenha] A garota do calendário - Fevereiro | Audrey Carlan

135 páginas || Audrey Carlan || A garota do calendário #2 || Ano 2016 || Editora Verus || 
Romance Erótico || Skoob
Resenha e fotos por: Dani Almeida

Quando eu vi a grande aposta da Editora Verus, a série A Garota do Calendário da autora Audrey Carlan, fiquei muito curiosa para conhecer saber mais a respeito da mesma. Mas também, quem não ficaria?! Uma mulher. Doze homens diferentes. Um para cada mês do ano.

Com um enredo e uma proposta bem diferente de qualquer outro livro do gênero que já tenha lido, a série atraiu minha atenção e me pareceu ser uma leitura bem promissora.
Infelizmente, não foi bem o que eu esperava; ou, na verdade, foi justamente o que achei que seria e isso tenha sido um problema pra mim.

Confuso eu sei, mas é que ao término da leitura do volume de Janeiro, percebi que sou muito mais romântica e "tradicional" do que pensei; eu queria o almejado final feliz naquele exato momento e que se ferrem os outros onze meses que ainda estavam por vir rsrs...

Entretanto, isso não significa que a leitura do primeiro livro da série não me surpreendeu e agradou. Muito pelo contrário, eu me diverti, me envolvi e terminei, como todo mundo, amando Wes <3 , porque eu sou de carne e osso e também não fiquei imune ao charme desse homem hehe.

Maaaas, vida que segue e um novo mês que se inicia.

Depois de várias críticas que ouvi a respeito do mês de Fevereiro, peguei o livro preparada para não gostar da leitura, contudo, surpresa!, Alec Dubois se mostrou um concorrente de peso para o mocinho de Janeiro (abre o olho Wes), e não é que eu gostei do cara?!

Pense num homem que fisicamente se parece com Ben Affleck <3 , que é sensível, bom de cama, um artista plástico francês e voilà, você terá Alec, o Senhor Fevereiro.

"O cabelo castanho-claro, com mechas naturais em nuances douradas e avermelhadas, estava preso em um pequeno coque. A mandíbula era perfeita, e os lábios grossos eram margeados por uma barba cuidadosamente aparada...Ele era tão lindo que foi quase impossível desviar o olhar. Lembrava o Ben Affleck, só que mais gostoso."

Apesar de ter ficado balançada por Wes, Mia embarca para Seattle, para o loft luxuoso do pintor francês que a quer como musa.


Lindo, forte, sexy e sedutor, Alec é um gênio dos pincéis e tem uma maneira peculiar e incomum de fazer sua arte. 
Diferente do primeiro cliente, onde Mia recebeu um guarda-roupa recheado e bem provido, em Fevereiro a história é outra; isso porque Alec a quer completamente nua e a todo o momento, afinal ele é um artista que precisa admirá-la plenamente.

" - MA JOLIE, NÃO EXISTEM ROUPAS PORQUE NÃO ESTOU PLANEJANDO QUE VOCÊ USE NADA ENQUANTO ESTIVER AQUI. VOCÊ É A MINHA MUSA, E EU QUERO VER O SEU CORPO, AS SUAS CURVAS E ÂNGULOS DA MELHOR FORMA POSSÍVEL."

Embora inicialmente receosa, aos poucos, a cada pincelada, o talentoso artista plástico vai eliminando seus temores e revelando a Mia uma faceta de si mesma que a própria Mia desconhecia e, de maneira sensível e incomum, ela a faz vivenciar o tipo de amor mais valioso que existe: o amor próprio.

Mia se descobre e se ama cada vez mais, a cada obra do artista.

"- VOU FAZER VOCÊ AMAR A SUA IMAGEM. E ISSO VAI SE TRADUZIR PARA O ESPETÁCULO COM O SIGNIFICADO DE "AMAR A SI MESMO."

O envolvimento entre eles foi algo natural e esperado, já que temos duas pessoas atraentes, compartilhando um mesmo espaço, convivendo durante um mês. Claro que o desejo e a atração física iriam resultar num envolvimento sexual, mas foi mais que isso.

Mia e Alec se tornaram amigos, eles firmaram uma dupla formidável na cama e fora dela. Eles aprenderam um com o outro e eu com os dois. 
Para Alec, Mia ficará eternizada em suas obras; ao passo que, para Mia, os aprendizados tanto sexuais como emocionais recebidos de Alec, a acompanhará para toda vida.

E sim, eles se apaixonaram. No curto de período que estiveram juntos, eles se amaram e viveram o "seja eterno enquanto dure" intensamente.

"EU TE AMO SABIA? AMO VOCÊ, ALEC. DO NOSSO JEITO. DA MELHOR MANEIRA. COMO AMIGOS, COMO AMANTES, COMO DUAS PESSOAS DESTINADAS UMA À OUTRA PELO TEMPO QUE TIVEMOS."

Não vou me estender e falar muito mais, pois o livro é curtinho e posso acabar soltando algum spoiler e acabar com a graça de quem ainda não leu.

Mas se você está à procura de uma leitura despretensiosa, rápida e apimentada, então esse livro é a sua cara.

Tá, pode ser que a série não seja uma das minhas preferidas, porém estou gostando bastante e, claro, recomendando.
Ainda faltam dez meses pela frente e eu só posso dizer que estou bem ansiosa para embarcar com a Mia e conhecer todas as surpresas que a aguardam em cada destino diferente.

E que venha Março...

Leia a resenha do primeiro livro da série: Clique Aqui


CAPA E SINOPSE:

Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. 
Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... 
Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.


6 comentários:

  1. Oiiiii
    Minha última resenha foi sobre esse livro!
    Eu ameeeei Janeiro, já Fevereiro não me agradou tanto!
    Apesar da citação de Ben (amor antigo) Aflleck
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Já li março também, e já voltei a gostar da série hehehehehe
    Adorei a resenha!!

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda,
      Fico feliz que gostou da resenha !
      Quanto ao livro...bem , acho que todo mundo não está gostando muito de Fevereiro rs e nem a comparação com Ben Affleck está mudando isso rsrs ,fazer o que né ?!
      Eu ainda não li Março mas já tenho o livro então em breve lerei...
      Beijos <3

      Excluir
  2. Oie
    Estou bem curiosa para ler esta série, mas ainda não tive oportunidade.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa ,
      A grande maioria está amando a série viu ? Então mate logo essa curiosidade e leia também; quem sabe você não virá fã também ?!
      Beijos <3

      Excluir
  3. Oie Dani, comecei a ler essa série e estou iniciando o mês de março, também não gostei muito de Fevereiro, mas estou apaixonada pela série. Estou com muitas expectativas para Março, vamos ver se vou gostar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Babi,
      Ainda não li Março mas , pelo que já ouvi , esse mês já ganhou o coração dos fãs da série ,apesar da decepção com Fevereiro; então ,acho que você vai gostar sim !
      Beijos <3

      Excluir

Tecnologia do Blogger.