Header Ads

[Resenha] A voz do arqueiro | Mia Sheridan @editoraarqueiro


336 páginas || Signos do amor #1 || Ano 2015 || Mia Sheridan || Editora Arqueiro || Romance || Literatura Estrangeira || Skoob
Resenha por: Dani Almeida

Ganhei A Voz do Arqueiro no dia do amigo e não canso de agradecer ( obrigada Déb  ) pelo presente maravilhoso e arrebatador que é esse livro.

Você gosta de sofrer, chorar, se emocionar e, principalmente, sentir com os personagens de uma história? Então, certamente, esse livro é pra você.

Tá bom que o ano só começou, mas já posso afirmar que A Voz do Arqueiro é uma das melhores leituras de 2016 e que Mia Sheridan é a minha mais nova autora preferida.
Mas vamos ao que interessa: a história de Archer e Bree.


Fugindo das lembranças de uma noite trágica, na qual perdeu o pai, Bree Prescott muda-se para a pequena cidade de Pelion em busca de paz.

A calmaria e tranquilidade do lugar a conquistam imediatamente e o acolhimento das pessoas da cidade é reconfortante para seu estado de espírito, e não demora para que ela se depare com Archer Hale, o silencioso e misterioso habitante de Pelion; e apenas um encontro é o suficiente para que Bree se sinta conectada e intrigada pelo rapaz de aparência selvagem.

"HAVIA ALGO EM ARCHER HALE QUE ME INTRIGAVA... ALGO QUE EU NÃO CONSEGUIA COMPREENDER." pág.33.

Archer sofreu um acidente quando criança e por isso não fala. Sem saber como lidar com ele, os moradores da cidade acabaram deixando-o de lado, não se aproximavam e nem procuravam saber como ele estava. Contudo, ser invisível aos olhos dos demais estava de bom grado para Archer, até o dia em que Bree entrou em sua vida enxergando-o realmente e querendo ouvir o que ele tinha a "dizer".

Curiosa e tentada a conhecer mais sobre o desconfiado rapaz, Bree procura se aproximar dele e conquistar sua amizade, deixando de lado seus próprios temores e sofrimentos para desvendar o homem que havia por baixo dos longos cabelos e barba desgrenhada.
Apesar de inicialmente arredio, Archer baixa a guarda e os dois desenvolvem uma amizade muito bonita.

"QUANTO MAIS TEMPO PASSÁVAMOS JUNTOS, MESMO SEM FALAR, MAIS CONFORTÁVEL EU ME SENTIA COM ELE. EU PERCEBIA QUE ARCHER QUE TAMBÉM SE SENTIA CADA VEZ MAIS À VONTADE PERTO DE MIM." pág.84.

A confiança e o apego que vão surgindo entre eles nos enche de ternura, e é emocionante ver que, enquanto Bree se dedica em curar as feridas de Archer, as suas próprias vão sendo fechadas e acalentadas pela doçura do rapaz. 

Com o decorrer da história vemos a amizade se transformando em amor e o relacionamento do casal ganhando novas proporções e intensidade.


Archer viveu toda sua vida como um recluso e tantas emoções e sentimentos lhe são completamente novos.

E é de maneira sensível e apaixonante que  Mia Sheridan narra as suas primeiras experiências, em uma cena mais tocante que outra que nos deixam com os Olhos marejados e sorrisos bobos de satisfação.

Ahh, como é lindo ver que palavras são desnecessárias  quando os corações se comunicam e as almas se completam.

"ELE SEGURAVA MINHA MÃO, ME OLHANDO COM UMA EXPRESSÃO TÍMIDA E SORRIDENTE. EU SORRIA TAMBÉM, SENTINDO MEU CORAÇÃO INCHAR." pág.140.

Segura do que sente  por seu rapaz silencioso, Bree doa- se completamente a ele e a essa nova chance de ser feliz, contudo o mesmo não acontece com Archer, que é invadido por inseguranças e da  certeza de não ser homem suficiente para construir uma família ao lado da mulher que ama.

Ele opta por abandonar sua zona de conforto e se arriscar num mundo desconhecido, ampliar seus horizontes e tornar-se o homem que Bree merece.

"AINDA NÃO SEI PARA ONDE VOU, MAS PRECISO PARTIR. PRECISO RESOLVER ALGUMAS COISAS, TALVEZ ATÉ MESMO DESCOBRIR UM POUCO MAIS SOBRE QUEM EU POSSO SER NO MUNDO, SE É QUE POSSO SER ALGUÉM." pág.285.

Bree sabia que Archer se sentia desconfortável em ser tão dependente dela e compreendia sua necessidade de se provar digno de seu amor, mas, mesmo assim, seu coração ( e os nossos ) ficou angustiado por não saber onde ele estaria e quando voltaria.


Entretanto, ela o esperaria o tempo que fosse necessário;  até ele descobrir um lado bom em meio à tantas coisas ruins que já lhe  acontecera.

"DISSERA A ARCHER QUE NUNCA O DEIXARIA E ISSO ERA VERDADE. ESTARIA ALI QUANDO ELE VOLTASSE." pág.287.

Terminei a leitura embevecida com a construção desse romance, e maravilhada com a beleza dos personagens. Perfeição define.

"ESTOU AQUI POR VOCÊ. ESTOU AQUI POR SUA CAUSA. ESTOU AQUI PORQUE VOCÊ ME VIU, NÃO APENAS COM SEUS OLHOS, MAS COM SEU CORAÇÃO." pág.320.

Uma história de superação, que mostra o quanto o amor pode curar duas almas destroçadas, e que a mais valiosa e verdadeira forma de se expressar é com a voz do Coração.


CAPA E SINOPSE:

Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Baseado na mitologia de Sagitário, A voz do arqueiro é uma história sobre o poder transformador do amor.
Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar.
Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde.
Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda.
Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.

14 comentários:

  1. Oiii, tudo bem?
    Infelizmente não tenho muita vontade de ler este livro! Mas, gostei bastante da sua resenha, deixo para a próxima vez outro livro <3
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana ,
      É uma pena o livro não ter chamado sua atenção pois é um romance muito bonito e tocante. Espero, fervorosamente, que algum dia o leia ,porque te garanto que vale muuuito a pena.
      Beijos <3 !

      Excluir
  2. Olá Débora tudo bem, Mia Sheridan me encantou com a história de A voz do arqueiro, gostei muito do enredo e seus personagens são cativantes, é um livro que fica na memória. Terminei de ler O coração do Leão que tbm é muito bom e recomendo. O próximo é Leão ferido na versão do Léo estou ansiosa para ler. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Danielle,
      Eu também fiquei encantada com a história criada pela autora Mia Sheridan; tanto A Voz do Arqueiro quando O Coração do Leão são livros inesquecíveis... E eu também estou muito ansiosa para o terceiro volume da série que está sendo lançado por aqui.
      Beijos <3

      Excluir
  3. Olá,

    os livros da arqueiro geralmente tem edições muito bem trabalhadas. A resenha achei bem escrita, mas não me interessei pela história criada, esse livro eu passo. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      A Arqueiro faz mesmo um belo trabalho na publicação de seus livros; as capas,na minha opinião, são sempre bem caprichadas e bonitas .
      Quanto à A Voz do Arqueiro ,é uma pena não ter chamado sua atenção, piis é uma linda história de amor e superação.
      Beijos <3

      Excluir
  4. Mesmo não tendo vontade de ler essa obra, adorei sua resenha, parabéns!

    Beijokas da Quel ¬¬
    Literaleitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel,
      Obrigada ! Eu amei esse livro e tentei transmitur o quanto nessa resenha.
      Beijos <3

      Excluir
  5. Olá! Adorei sua resenha. Mas o livro definitivamente não faz meu estilo.Nem a capa...ahaha.
    Mas parabéns pelo Post bem estruturado.
    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Rodrigo,
    Bem EU gisto da capa ,rsrs... È uma pena não se interessar pela história ,mas mesmo assim obrigada .
    Abraços <3

    ResponderExcluir
  7. Todos falam super bem da escrita da Mia. Esse livro é o mais elogiado nas resenhas que já li, mas mesmo assim não me sinto atraída pela temática do livro. Mas confesso que o fato do personagem não falar me deixa um pouco curiosa.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nilda,
      A escrita da Mia é mesmo um espetáculo : envolvente e cativante, nos prendendo na história até a última página.
      Esse foi o primeiro livro que li que aborda esse tipo de deficiência e fiquei completamente apaixonada; então se ficou curiosa a respeito, dê uma chance ao livro e garanto que não vai se arrepender.
      Beijos <3

      Excluir
  8. Eu to morrendo pra ler Mia Sheridan. Vi muitas pessoas divulgando os livros dela e fiquei bastante curiosa pra saber mais da história. A sinopse é realmente tentadora.

    http://laoliphant.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Débora,
      A Mia merece mesmo todos os elogios imagináveis. As histórias que cria são lindas. Então ,quando ticer oportunidade, leia sim.
      Beijos <3

      Excluir

Tecnologia do Blogger.