Header Ads

[Resenha] Me descobrindo mulher | Manu Torres


Me Descobrindo Mulher - Isabela Alencar havia sido criada para odiar o sexo e jamais deixar que um homem virasse sua cabeça e isso foi fácil até se formar na faculdade e ir trabalhar na Clínica Médica do seu pai, onde um competente cardiologista mexe literalmente com o seu coração.
Leonardo Menezes é um cara comprometido com a profissão e muito sério, ele parece inacessível dentro e fora do Hospital e da Clínica onde trabalha, mas Isabela Alencar que é fisioterapeuta e filha do dono da Clínica lhe tira do eixos e, três meses depois que a conhece ele a leva ao altar e lhe jura a amor eterno.
Será que os traumas de Isabela podem ser superados?
O amor de Leonardo por Isabela transportará essa barreira?



474 páginas || Autora: Manu Torres || Ano 2014 || Editora Bezz || Skoob  




Com toda certeza Me descobrindo mulher foi um livro que tocou meu coração, minha alma e ficará marcado para sempre.

Isabela havia sido criada para odiar o sexo e jamais deixar que um homem virasse sua cabeça. Isso foi fácil até se formar na faculdade e ir trabalhar na Clínica Médica do seu pai, onde um competente cardiologista mexe literalmente com o seu coração.

“Eu nunca tinha sofrido por amor. Eu sempre fui sonhadora, sentimental, mas nenhum cara jamais tinha entrado no meu coração e isso era insano. Minha mãe tinha razão, deixar alguém entrar na nossa vida era abrir a porta para o sofrimento.”

Leonardo é um cara comprometido com a profissão e também muito sério. Ele parece inacessível dentro e fora do Hospital e da Clínica onde trabalha. Mas Isabela Alencar lhe tira dos eixos, e três meses depois que a conhece, ele a leva ao altar e lhe jura amor eterno.

Seis meses após o casamento e mais uma noite de frustração sexual, cansado, Leonardo resolve pedir separação. Sofrendo por amar demais o marido, Isabela sabe que precisa mudar para reconquistá-lo, precisa se libertar, se conhecer, para isso contará com a ajuda de sua amiga Lilian, de 40 anos e sua tia Luiza. Como as duas citam: elas estão preparadas para começar a operação mulherão.

O primeiro passo foi ir às compras, as três foram a todos os tipos de lojas, desde livrarias até sexy shopping, qual mulher não se sente melhor após um banho de lojas? Com Isabela não foi diferente, lógico que não bastou só o banho de loja para conseguir reconquistá-lo e começar a confiar em si mesma. Mas, com certeza esse foi o primeiro passo.

“Mulher tem poder de controlar um homem e isso não tem nada a ver com ser bonita ou feia. Gorda ou magra. Mulher tem que ser confiante e saber usar o que tem de bom a seu favor.”

 Ao decorrer do livro você entende o porquê Isa era assim, sua mãe a fez acreditar que sexo era só para os homens, no inicio achei a mãe de Isa bem desatualizada, mas quando você tem conhecimento do real motivo, você consegue compreender as razões dessa mãe, que como todas, só querem proteger o filho.

Com o sucesso da operação mulherão, Isa fica mais confiante, mais linda, e todos na clinica, inclusive Leonardo percebem essa diferença. Isa sempre foi linda, mas devido à operação é impossível passar despercebida, principalmente pelo Dr. Igor, um ginecologista da clinica que sempre foi encantado por ela.

Leonardo ficou furioso e possessivo com a nova Isa, ele sempre a amou e sempre sentiu uma atração muito forte pela esposa. Vendo tantos homens se aproximarem de Isa sem poder fazer nada, foi torturante.

“Não me via mais como alguém secundário. Havia me tornado protagonista da minha própria vida, e nunca mais, me permitiria ser mera coadjuvante da minha existência. Nunca mais.”

Por muitos momentos fiquei com raiva de Leonardo, um dos motivos foi o fato das cobranças, ele jogava na cara de Isa o tempo todo que ela carregava o sobrenome dele, porém saia com Gabriela, sua ex-namorada para obter noites quentes sem compromissos. Mas, em muitos outros momentos, Leonardo me deixou apaixonada.

Juro que tive vontade de matar a autora (até comentei no facebook), se você já leu, com certeza sabe o motivo, se ainda não leu, quando ler vai entender. E essa vontade continuou por muitas páginas, mas no fim, consegui aceitar sua escolha.

A autora aborda assuntos delicados para muitas mulheres, a endometriose, sonho de ser mãe, autoconfiança, frigidez e dificuldades em engravidar.

Me descobrindo mulher é uma verdadeira e linda história de amor, tão próxima da vida real, que muitas vezes me senti dentro da estória, como se tudo estivesse acontecendo com uma pessoa próxima, e por torcer e vibrar por cada conquista da nossa nova protagonista, senti que fazia parte da operação.

O livro é narrado em primeira pessoa, intercalando entre Isabela, Leonardo e algumas vezes por Gabriela. Os personagens secundários são marcantes e essenciais na trama, você vai se apaixona por todos.  As cenas são tão reais e muito bem escritas. O livro também conta com várias doses de humor, ciúmes, descobertas, amor próprio e perdão.

Devo ressaltar que o livro não fala só sobre a descoberta de uma mulher, mas também a descoberta de um casal.

Com certeza o livro entrou para a lista dos meus preferidos do ano. Li Me descobrindo mulher em e-book, então não pude avaliar o livro, porém quero muito ter o livro físico na minha estante, para assim que possível repetir a leitura.



Acompanhe o blog 'Em cada página' nas redes sociais:
♥ Facebook | ♥ Twitter | ♥ Instagram ♥ Skoob | ♥ Pinterest ♥ Flickr | ♥ Wattpad

2 comentários:

  1. Uau! Esse livro parece ser bom. Gostei bastante da resenha e da história.

    ResponderExcluir
  2. Já vi essa capa nas redes sociais, mas imaginei que fosse um livro totalmente diferente... Gostei e vou comprar.
    Parabéns pela resenha

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.