Header Ads

[Entrevista] com M. S. Fayes - Autora de "Absoluto"


Simmmmm!!! Entrevista com a Marta, Martinha, Fayer, escritora maravilhosa criadora do Gabe (esse último apelido é o meu preferido)rs.
Martinha primeiramente queria agradecer pelo carinho de sempre e por concordar com a entrevista. Adorei te conhecer um pouco mais.

Agora vamos.


ECP: Martinha, por favor, fale um pouco sobre você, queremos conhecer a criadora do nosso querido Gabe. (suspiros).
MSFayes: Bem, falar de mim mesma é meio custoso, mas eu adooooro. brincadeira. Deixe-me ver...sou uma mãe de duas crias pequenas, esposa, péssima dona de casa ( odeeio faxinar.), fisioterapeuta, professora, revisora, escritora, desenhista, dubladora, futura tatuadora... ufa... cansei... que mais? Hahahahahaha...
Eu sou extremamente hiperativa e não paro nunca. Só quando meu corpo realmente pede arrego e aí não tem jeito...tenho que me conter. Tive que abandonar o posto de blogueira divagante porque estava tumultuado e eu esquecia os posts...e eu odeio deixar as leitoras na mão...mas ainda solto uma ou outra divagada cibernética sobre nossos amados livros no face.


ECP: Como surgiu à motivação para ser escritora?
MSFayes: Juro que a motivação foi essa aqui. Eu tinha acabado de ler Crepúsculo (não me batam) e aí fiquei psica. Só que fiquei uma psica do bem, ao invés da E.L. James que pirou e resolveu aloprar no romance erótico e repaginou o Edward e a Bella.
Daí, eu pensei que : " Putz...se ela é uma mãe de família e conseguiu criar algo em seu tempo livre e vingou? Porque não eu??? " . Eu sei...não foi nenhum pouco modesto, mas o que posso fazer...
Então...quem me influenciou foi a tia Stephanie...hehehehe...

("Se serve de consolo, eu adoro crepúsculo hahahha") 

ECP: De onde vem os seus personagens? São inspirados em pessoas reais ou em fatos?
MSFayes: Eu normalmente me inspiro em personagens que eu gostaria que fossem reais. Características e personalidade. Situações que eu acho que dariam um bom roteiro e resolvo colocar no livro. E muitas vezes me inspiro em personalidades públicas. Como um ator do momento que mexa com meus brios, um personagem de filme que me encanta, esse tipo de coisa. E sempre tento encaixar em situações que muitas vezes já desejamos para nós mesmas. Confessem....quem nunca pensou em encontrar o amor da sua vida numa viagem de férias?

ECP: No inicio que tipo de escritor/ livro te influenciou? E agora?
MSFayes: Praticamente já respondi esta, mas não custa acrescentar. Não adianta. Eu sou uma garota Harlequin. Sempre curti romance de banca, confesso mesmo e não tenho um pingo de vergonha nessa minha cara. Então grandes nomes de autoras desse estilo, sempre fizeram a minha cabeça. Nora Roberts pra mim é diva. Linda Howard, Judith McNaught...tantas...e vejam bem...muitas meninas tem preconceito com literatura de banca, romances fúteis e etc...mas quem gosta de um bom romance tem que ser consciente que a maioria das autoras tops saíram das rebarbas da Harlequin Publications. O sonho de consumo de toda escritora de romance é fazer parte da história da Harlequin. Que hoje em dia é tão grande que se divide em inúmeras editoras, e muita gente critica a matriz, a Harlequin, sem saber que ela é a toda poderosa. Nora, Linda, J.R Ward, Suzanne Brockman, Sherrilyn Kenyon, Maya Banks....ufa....são muitas famosas mega tops hoje em dia que já tiveram seus livrinhos publicados e republicados como paperback...vulgo, romance de banca. 

("Vejo muitos desses preconceitos também com literatura de banca, mas confesso que adoro, não abro mão de ler um romance clichê, adoro, adoro, adoro. Concordo contigo em gênero, número e grau. Sou sua fã um pouco mais depois dessa sua resposta. ;)")

ECP: Você dá título aos seus livros antes ou depois de escritos?
MSFayes: Normalmente eu dou o título só no fim do livro. Às vezes coloco um título provisório pra poder nomear o arquivo e não me confundir, mas o definitivo mesmo...só no final. Com o Tapete Vermelho foi assim e com o Absoluto também. Sempre penso em títulos bem breguinhas no início e depois eu acho o nome certo...heheheh...A sequência do Absoluto já tem praticamente título fechado, mas já acabei de escrever e o número 3 tem um nome provisório que só será definido no final. Se o nome pegar meu coração...ele fica...

ECP: Qual de suas obras/personagens é seu favorito? Por quê? O que ele significa para você?
MSFayes: Uau...qual meu personagem favorito?  Sei lá...hehehehe....eu sempre vou corujar o James Bradley, que foi o primeiro do Tapete Vermelho. Acho ele um fofo mega lindo que balança meu coração até hoje. O Gabe é poderosamente um luxo de gostoso, mas confesso que no meu coração quem está comandando é o Alex (o promotor do segundo livro). Poxa...mas tem outros que já criei e são bem fofos... o Conde Vincent Kildare, de um conto que publiquei no blog....ufa....que coisa...esse eu pegava fácil....Hahaahahah...e ele significa talvez o grande start em finalmente publicar um livro fisicamente. Porque quando eu soltei este conto no blog, o Tapete Vermelho ainda estava debaixo do tapete...só depois de ver a repercussão que ele causou foi que resolvi liberar o James...

("Quero muito ler o seu livro Tapete Vermelho".)

ECP: No Livro Absoluto, qual é a sua parte favorita? Ou qual te fez sorrir ou te emocionou? "A minha foi a do aeroporto".
MSFayes: Putz...eu amo a cena da Kate inserida no núcleo familiar do Gabe. A cena da regada. A conversa que a mãe dele tem com ela....acho fofa...
Amo a cena que o Gabe é um cretino cafajeste e trata a Kate mal pra caramba. Acho tenso...adoro dramas em livros.
E a cena do aeroporto é realmente de matar qualquer um. E uma amiga minha que deu toda a ideia e estrutura da cena. Somos duas piegas...mas ficou lindo, né?!

("Eu dei muita risada com a cena da regada, mas a do aeroporto, torci, me emocionei, queria estar lá para ajuda-lo, foi bem real.")

ECP: Por que decidiu escrever sobre o tema?
MSFayes: Well...eu resolvi escrever sobre o tema na verdade numa abordagem de um bate papo com uma amiga. Estávamos detonando as mocinhas chatinhas que estavam saindo dos YA/NA  e refletindo porque não podiam fazer mocinhas inteligentes e bacanas?
Daí eu falei: "Vou começar a escrever uma história com uma mocinha maneira agora..." E começou o bate boca. Médica? Não. Enfermeira? Não. Daí falei: "Jujuba...vai ser futura advogada como você, palhaça."
Pronto. Aí ficou definida a linha principal. À medida que fui aprofundando, essa minha amiga e outra amiga criminalista me socaram pela goela aquele seriado The Good Wife, pra que eu ficasse ligadona nos tribunais e tals...

ECP: Qual é a principal ideia que o leitor terá ao acabar de ler o livro Absoluto?
MSFayes: Acredito piamente que a principal ideia será de que o livro não é erótico, como tanta gente pensa. E que na verdade ele é um romance embasado em uma situação que poderia ser real para qualquer pessoa. Claro que minhas amigas dizem que não existem advogados mega gatos como o Gabe dando sopa no mercado...mas enfim...
Acho que o livro retrata um romance gostoso de ler, light, nada de muita densidão e traumas do passado, nem chicotes e algemas, ou dentes sobressalentes...Podem chamar de romance clichê. Eu deixo. Hihihihi...

ECP: O que o leitor pode esperar para os próximos livros?
MSFayes: Uau....para os próximos livros? Bem...esperem um pouco mais de ação e assanhamento por conta da Fay. Ela é uma coisa. Mas como eu disse....nada partindo para erótico...é super light, mas é mais hot que o Absoluto...eu acho...
Como a área vai ser a criminal, então o toque será um pouco mais de ação...Até agora está sendo meu queridinho e tirando o posto do Absoluto no meu coração...

("UAU, digo eu agora, tirando o posto do Absoluto? Preciso ler esse LOGO. Torcendo para que a editora lance o livro amanhã hahah")

ECP: Sabemos que o segundo livro da trilogia será sobre a Fay, e o terceiro?
MSFayes:O terceiro livro vai trazer um personagem que foi citado no primeiro, que merece um final feliz e aparece também em um momento no segundo livro. Creio que aí será feito o gancho que permitirá saber quem será o casal do próximo livro.
Claro que a mocinha nem preciso dizer que é a Lana, né?! Então aqueçam seus corações...vai ser uma história fofa...

ECP: E os lançamentos desses dois livros, já tem ideia de quando será? Tenho certeza de quem leu assim como eu o Livro Absoluto já está ansioso para ler o segundo e lógico, o terceiro também.
MSFayes: Quanto ao lançamento, realmente não faço a mínima ideia. Esse lance é realmente com a editora, mas existe um detalhe importante para que aconteça. O Absoluto tem que realmente mostrar seu potencial de vendas e conquistar o coração das leitoras. Infelizmente o mercado funciona assim. É preciso que o primeiro emplaque e realmente mostre seu potencial....daí a editora fica feliz e faz a alegria de vocês.
Pelo menos minha cabeça já está mais tranquila porque o 2 eu finalizei. Dou só retoques aqui e acolá. E neste momento eu estou escrevendo o 3. Quer dizer, não neste momento, porque neste momento eu estou respondendo as perguntas...fui redundante?
E ainda estou criando outras histórias avulsas para um futuro...quem sabe...
Fico feliz que o livro esteja agradando minhas leitoras queridas. Até agora só ouvi coisas boas e embora nós tenhamos que lidar com críticas negativas e positivas na mesma medida, quando somente as positivas imperam é bem mais legal, certo?!
E da mesma forma que vocês esperam loucamente para ler a sequência ( tem muita gente que inclusive só quer ler quando os 3 estiverem lançados...), eu também fico louca para que vocês conheçam também os personagens e compartilhem comigo suas impressões. Acho que vocês vão amar de paixão a Fay e o Alex....
Um bju na ponta do nariz.
M.S. Fayes

("Eu tenho certeza que irei amar.")



Ahhhhh!!! Uma fofa.
Martinha obrigada mais uma vez pelo carinho! Adorei te entrevistar e te conhecer um pouco mais... Estou completamente ansiosa pelo segundo livro. 

Espero que tenham gostado da entrevista.

Se você ainda não leu, aproveite e compre clicando Aqui.

Beijos.

ACOMPANHE O BLOG EM CADA PÁGINA PELAS REDES SOCIAIS:
  FACEBOOK | INSTAGRAM | TWITTER | SKOOB



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.