Header Ads

Resenha: Todo Dia - David Levithan

Sinopse:  Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.


280 páginas || Autor: David Levithan || Editora: Galera Record




Confesso que o valor desse livro foi o que mais me chamou a atenção R$ 9,90 achei tão barato e só ouvia coisas boas. Então, perguntei para a Lu do @umpouquinhodemim se ela havia lido, ela disse que não e uma semana depois esse livro chegou em casa (ela me deu, nem preciso dizer que AMEI O PRESENTE) e assim que tive uma oportunidade a presenteei com o mesmo livro.


Todo dia é diferente de TUDO que eu já li, me encantou, fascinou, me prendeu, não conseguia parar de ler, até que terminei, foi uma leitura de um dia, ele é intrigante, é diferente, é genial.

“Acordo pensando no dia de ontem. Lembrar me deixa feliz, mas dói saber que foi ontem.”

Sou apaixonada por romances, mas esse fez eu me apaixonar, sofrer e ver a vida de outra maneira, nem sempre teremos um final feliz, nem sempre conseguiremos ficar com quem amamos, mas queremos e desejamos por amor que a outra pessoa em questão seja muito feliz.


David Levithan conseguiu criar um romance lindo, mostrando que não existe diferença, cor, sexo, aparência, e sim o sentimento, o AMOR, somente ele. Se você ama uma pessoa, não importa como ela seja, ou como ela irá acordar, como ela estará vestida, se é ela ou ele, o que você é e o que você sente quando esta com essa pessoa.

“Queria que o amor conquistasse tudo. Mas o amor não conquista tudo. Ele não pode fazer nada sozinho. Ele depende de nós para conquistar em seu nome.”

O Protagonista da estória se chama A., tem 16 anos, e todos os dias ele acorda em um corpo diferente com essa idade, e logo no inicio ele acorda no corpo de Justin que namora Rhiannon, A. percebe que Rhiannon não é feliz em seu relacionamento, e quer dar um dia diferente a ela, mesmo sabendo que não deve interferir na vida de qualquer pessoa onde ele acorda durante o dia. E 24horas foram o suficiente para A. ficar completamente apaixonado por Rhiannon.



No dia seguinte e nos outros ele acorda em corpos diferente,mas faz de tudo para encontra-la, até que em uma oportunidade, ele tenta contar a ela o que está acontecendo, quem ele realmente é, e o que ele sente (coisa que ele nunca fez na vida, nunca ninguém soube de sua passagem). No inicio ela não quis acreditar, depois quis provas, e então se entrega à esse amor, porém há dias que ele acorda mulher, o que a deixa constrangida, e é ai que A. nos ensina que o sentimento, o que a pessoa é por dentro, é o que importa e o que vale a pena.



Quando eles estão tão envolvidos A. descobre que existem outras pessoas como ele, e que tem uma forma de continuar no mesmo corpo por um tempo indeterminado, o desfecho dessa estória é tão emocionante que me deixou com a famosa ressaca literária.




Tenho certeza de quem gosta de um romance, vai adorar esse livro. É uma leitura gostosa, folhas amarelas (minhas preferidas), fonte com um bom tamanho, também adorei a capa, com certeza pagaria mais por esse livro. Vale a pena. 


“-Como posso dizer não? – pergunta ela – Estou morrendo de curiosidade para ver quem você vai ser a seguir.
Sei que é uma piada, mas tenho que responder.
-Sempre vou ser A.
Ela levanta e me beija na testa.
- Eu sei. – diz. – E por isso que quero te ver.”

"O passado e o futuro são complicados. O presente é simples. E essa simplicidade é a sensação de estar a sós com ela." 

"Ela é meu primeiro e único amor. A maioria das pessoas sabe que o primeiro amor não será o único. Mas, para mim, ela é as duas coisas. Esta vai ser a única chance que vou me dar. Nunca mais vai acontecer."

"Se você olhar para o centro do universo, existe frieza lá. Um vazio. No final das contas, o universo não se importa conosco. O tempo não se importa conosco. ´
É por este motivo que temos que cuidar um do outro."



FACEBOOK ❤  INSTAGRAM  TWITTER  SKOOB ❤  FLICKR ❤  PINTEREST  ❤  WATTPAD 

6 comentários:

  1. EU AMEIIIII esse livro, sou fã do David Levithan, ele é o CARA....
    Amei sua resenha e fiquei sabendo que terá o livro2. Estou ansiosa para saber o que vai acontecer com A.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu nunca li, mais realmente é diferente de tudo que eu já li também, fiquei curiosa.

    ResponderExcluir
  3. David Levithan é demais, adoro os livros dele, sou fã de carteirinha.
    Adorei sua resenha e adoro o A. Soube que haverá continuação, adorei a ideia.

    ResponderExcluir
  4. Já leu garoto encontra garoto?(acho que o titulo é esse) É super fofo também.
    Ouvi dizer que vai fazer o segundo desse, estou curiosa para saber o que vai acontecer com A.

    ResponderExcluir
  5. Na minha opinião esse é o melhor livro do David, agora vamos ver a continuação né.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.